sexta-feira, fevereiro 24

Saúde da Mulher - Sabonete Íntimo: Benefícios, Vantagens, Verdades e Mentiras

Olá Meninas! Baseada em várias pesquisas realizadas na web, eu trago hoje um assunto importantíssimo: a higiene feminina.

De nada adianta você linda bela e formosa se sua saúde não estiver legal, não é?

A seguir vocês verão o resultado das minhas pesquisas, espero que possa ajudá-las e esclarecer algumas dúvidas quanto ao sabonete íntimo.





O interior da vagina é naturalmente habitado por micro-organismos que formam a flora vaginal e são responsáveis por proteger a região e manter seu equilíbrio com as bactérias e fungos naturais da flora. Para ajudar nessa tarefa e manter os órgãos genitais da mulher (vagina e a vulva) livres de infecções, é necessário dar atenção especial a higiene íntima. Isso porque, mesmo com a proteção natural dos micro-organismos, alguns fatores podem desequilibrar o pH da vagina e abrindo a porta para o aparecimento de infecções, corrimentos e coceiras.

A mulher corre mais risco de contrair infecção porque apresenta uma variação da imunidade ao longo do ciclo menstrual. Além disso, a vagina está muito próxima ao ânus, o que favorece a contaminação dessa região. Por isso, a higienização deve ser da vulva (região externa) e não da vagina e realizada com sabonetes íntimos que contém ácido lático que mantém o pH vaginal estável prevenindo infecções, diz a Dra. Rosa.

pH

O pH da vagina é ácido e varia de 3,8 a 4,2. Esse é o ambiente ideal para sobrevivência dos lactobacilos responsáveis pela proteção da vagina. No entanto, situações de estresse, baixa resistência do organismo, a aproximação da menopausa e as flutuações hormonais afetam o pH vaginal causando um desequilíbrio na flora vaginal. Dessa forma, a mulher fica sujeita ao ataque de fungos como a cândida, que provoca coceira intensa e corrimento branco ou ainda à contaminação por bactérias que se proliferam melhor em um pH mais alcalino.

Outras infecções, como a vaginose bacteriana, que causa mau cheiro perceptível, principalmente após relações sexuais, podem se aproveitar dessa alteração do pH. Assim, ter um pH balanceado, garantindo a acidez vaginal, garante o perfeito funcionamento das nossas funções e a saúde dos órgãos femininos. O uso regular do sabonete íntimo auxilia nessa manutenção do pH mais alcalino e, consequentemente, mais saudável.

Sabonete Íntimo Ideal 

Com tamanha diversidade de marcas e tipos de sabonetes íntimos disponíveis fica difícil escolher o melhor, a dica é:
Verifique se o produto contém ácido lático, que garante a manutenção do um pH ácido vaginal, e se ele pertence a uma marca conceituada e reconhecida no mercado.


Cada vez mais surgem novos sabonetes indicados às regiões íntimas. Mas sempre fica a dúvida: qual a diferença deles para os comuns? A resposta está novamente no pH.
Para manter os microorganismos e lactobacilos que vivem no órgão genital feminino e proteger a mulher de possíveis infecções, essa região precisa manter um pH ácido, que é justamente o encontrado nos sabonetes íntimos. Já os sabonetes comuns são caracterizados pelo pH básico ou neutro, que pode desbalancear esse índice necessário.
Além disso, eles contém menos detergente e ainda possuem uma composição hidratante, que impede o ressecamento do local e possíveis coceiras.
Para completar, eles costumam ser mais indicados para período menstrual e início da menopausa, quando o pH tende a ficar mais alcalino, devido à alteração hormonal, aumentando o risco de infecções urinárias.
Mas como se trata de uma região muito sensível, é bom lembrar que esses produtos não estão isentos de causar alergia. Portanto, é importante checar se eles são produzidos por empresas conceituadas, se possuem ácido lático em sua formulação e até procurar um ginecologista em casos de mais dúvidas.

Como Usar o Sabonete Íntimo?


Coloque uma pequena quantidade em sua mão e aplique-o em sua área íntima (vaginal e anal) externa durante o banho. Depois, você deve lavar com água corrente e secar suavemente, sem esfregar. Quanto ao uso de um sabonete feminino diariamente, a resposta é: vá em frente! O uso diário ajuda na prevenção mais eficaz. Mas certifique-se de que seu sabonete íntimo feminino seja suave e tenha ingredientes naturais. Segundo a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia (Febrasgo), use de 1 a 3 vezes ao dia, em dias de clima quente e pelo menos 1 vez ao dia no clima frio.

Saiba 6 mentiras e 4 verdades sobre os sabonetes íntimos:

 1. Ele protege mais que o sabonete comum

Verdade: De acordo com o ginecologista, o sabonete íntimo possui uma composição neutra, sendo assim traz mais proteção porque não agride a mucosa genital e, portanto, não interfere no ambiente natural da região da vagina.

2. O sabonete íntimo elimina odores desagradáveis
Mentira: O cheiro forte na região genital está relacionado a problemas genitais, como o corrimento, por isso o produto não tem o poder de eliminá-lo. Ele não trata a causa do problema. "O produto vai disfarçar o odor apenas por alguns minutos. Porém, a não solução desse quadro serve como alerta de que existe uma alteração que deve ser investigada e tratada", diz.

3. O produto altera o pH da vagina.
Mentira: "Os sabonetes íntimos, que são recomendados pelos ginecologistas, devem possuir pH neutro, por isso não desequilibram o pH da vagina, evitando problemas como corrimentos e coceiras" , explica o especialista.

4. Eles oferecem menos risco de alergia
Verdade: Como a composição do produto é específica para a área genital, ele oferece menos riscos de alergias. "Todos os componentes presentes na formulação são mais leves e evitam irritações", explica o ginecologista.

5. O uso do produto evita a proliferação de fungos e bactérias
Verdade: Os sabonetes íntimos não prejudicam os lactobacilos responsáveis por proteger a região vaginal. "Essas bactérias, conhecidas como lactobacilos de Dorderlein, evitam a proliferação dos germes causadores de infecções vaginais. Já os sabonetes comuns, principalmente os que não são neutros, podem eliminar os lactobacilos e deixam a saúde íntima mais exposta", diz Edílson Ogeda.

6. O sabonete íntimo não pode ser usado durante a menstruação
Mentira: De acordo com o ginecologista, não existe nenhuma contra-indicação. O produto não oferece nenhum risco quando usado durante o período, porque vai sempre acompanhar o pH apresentado pela vagina.

7. O produto não deve ser utilizado todos os dias
Mentira:. O uso diário do sabonete não prejudica a flora vaginal. Durante o banho, lavamos todas as partes do corpo, então, usar um sabonete neutro, que não agrida a mucosa vulvo-vaginal, é muito mais indicado do que adotar um sabonete convencional.

8. O sabonete íntimo é igual ao sabonete neutro
Verdade: Na prática, não existe nenhuma alteração considerável na fórmula dos dois produtos, portanto, eles se equivalem. "Mas como os agentes (até mesmo o perfume) dos sabonetes íntimos são totalmente pensados para essa região, o risco de reação alérgica é mais baixo", diz.

9. Na falta de sabonete íntimo podemos usar o antibactericida
Mentira: De acordo com o ginecologista, os sabonetes antibactericidas são vetados para a região vaginal. "Eles são sabonetes capazes de combater as bactérias de superfície (pele e mucosa) e não devem ser usados na região genital, pois podem destruir os lactobacilos de proteção e aumentar (e muito) o risco de infecções e irritações na vagina", alerta.

10.O uso prolongado pode causar corrimento
 
Mentira: De acordo com o especialista, não existe nenhuma relação entre corrimento genital e o uso de sabonetes íntimos. "O corrimento é causado por bactérias e fungos. E o produto não tem nenhuma ligação com a proliferação desses micro-organismos", afirma.
Diversidade


Agora pronto, depois de tirar todas as suas dúvidas e explicar direitinho tudo sobre o Sabonete Íntimo você já pode ir escolher o seu.

Grande Diversidade de Marcas de Sabonetes
 
Como dica fica  o Sabonete Íntimo Líquido da Yes! Cosmetics, eu uso e recomendo!!
R$ 17,50 com revendedoras Yes! Cosmetics

A Sabonete Íntimo Love, da Yes Cosmetics, ajuda a manter o pH natural da região íntima da mulher e fortalece a barreira protetora da pele.

Formulado com ácido lático e extrato de aloe vera, ajuda a manter o pH natural da região íntima da mulher e fortalece a barreira protetora da pele.


Suave fragrância de morango, contém 150 ml.


Gostaram meninas? Beijão e um óótimo fim de semana a todas gurias! <3

PS: Pras gurias que ainda não sabem eu sou revendedora Yes! Cosmetics, portanto precisou, só pedir!;)

Por Cah Emerencio

2 comentários:

Comente e deixe seu link que retribuo a visita ao seu blog. Perguntas? Responderei com muita satisfação e carinho! Sugestões? Fique a vontade! Mil beijos♥!